quarta-feira, 21 de outubro de 2009

China em Frankfurt

Na condição de convidada principal, a China realizou uma série de atividades temáticas na Feira do Livro de Frankfurt. O diretor de Comunicação e Cooperação com Exterior da Administração Geral de Imprensa e Publicações da China, Zhang Fuhai, falou ontem (15) na cidade alemã sobre a situação geral da indústria editorial do país.


Zhang apresentou primeiramente o "Casa de Livros nos Campos", projeto desenvolvido pelo governo que visa melhorar a condição das instalações culturais públicas nas zonas rurais. A meta do projeto é que até 2015 cada vila administrativa possua uma "Casa de Livros". Até agora foram construídas 93 mil mini bibliotecas das 640 mil pretendidas.

Wang Ziqiang, diretor de Direitos Autorais da Administração Geral de Imprensa e Publicações, afirmou na ocasião que, desde a prática da política de reforma e abertura, a China vem estabelecendo uma série de leis para proteger a propriedade intelectual das publicações, além de ter aderido a muitos acordos internacionais sobre o tema.

fonte: http://portuguese.cri.cn/561/2009/10/16/1s113953.htm

3 comentários:

Leinad disse...

wow so agora soube que pelos vistos a China tentou impedir a presença de alguns escritores no evento como forma de censura.

some weird shit going on...

Sara F. Costa disse...

Tens algum site com essa notícia?

Leinad disse...

http://www.tor.cn/chinfootball/dw/article/0,,4672058,00.html

Por exemplo. Mas é so fazer uma pesquisa e encontram-se muitas referencias. De qualquer forma, a pressao/chantagem externa chinesa usando a sua influencia economica é algo que se tem verificado cada vez mais, nas mais diversas situaçoes e locais.

Aproveito já agora para apelar á resistencia e para que nao se permita que a China utilize a sua inlfuencia economica para colocar o mundo entre a espada e a parede! (isso ou entao estou completamente influenciando e hypado pelo episodio de V)