terça-feira, 26 de junho de 2007

LCO ainda dominara a Universidade do Minho... ;))

oi mais uma vez..
é bom saber que há um número significativo de pessoas que estão interessadas neste belo curso da academia minhota...é muito bom saber que apesar de MUITA gente desconhecer a existência do curso na universidade,conseguem haver pessoas de fora que se interessam pelo oriente pelas suas culturas...e depois se houver assim blogues que ajudem ao esclarecimento de duvidas,troca de opiniões...melhor!!!
um bem haja ao criador deste blog,kiyoshi e a todos os participantes.....é mesm muito bom ver como este curso atrai pessoas...
a auto estima fica mais elevada...
bj a te um proximo post

28 comentários:

Anónimo disse...

Olá pessoal do LCO :)

Gostaria de saber se neste curso (Linguas e Culturas Orientais) vamos ter que gastar muito dinheiro para obter os livros necessários (em conjunto com as fotocópias), ou o essencial encontra-se na biblioteca da UM?

Abraços !

Kiyoshi disse...

Não precisas de gastar muito dinheiro, os manuais são fotocópias que se tiram na reprografia e só se tiveres de ler alguma obra específica é que podes pensar em comprá-la, mas é provável que exista na biblioteca da UM. Fica bem ^^

Anónimo disse...

Hey kiyoshi muito obrigado pelo esclarecimento. ;)

Anónimo disse...

Línguas e Culturas Orientais?!?

Inventam cada uma para não trabalhar...

Kiyoshi disse...

Sim senhor, muito bom comentário com muito sentido, toda uma fundamentação elaborada e com o autor devidamente identificado. Espera lá...foi exactamente o contrário! Um péssimo comentário, de péssimo gosto, sem nexo, revelador de uma incomparável ignorância feito por alguém que infelizmente nem se dignou a revelar a sua identidade.

Mspirit disse...

Para não trabalhar é só preciso estar em Portugal, é exactamente a mesma coisa que para não ter cultura.

Annabel Lee disse...

Realmente conseguir trabalho com tanta dose de ingorância, isso sim: uma tarefa bem complicada! Felizmente tal não acontece a pessoas com capacidade visionária e expansiva como estudantes de línguas orientais. :)

Jorge disse...

Eu nao sou de LEO nem LCO mas devo dizer que pessoas com esse tipo de comentários como aquela pessoa que disse que alunos de chinês e japonês nao iam ter trabalho, é certamente alguém que precisa de estar mais actualizado em relação ao lugar em que vive... pois parece-me que essa pessoa tem uns certos problemas com a sua percepção daquilo que é o estado actual do mundo... mas também num país onde as pessoas nao teem sequer uma mentalidade europeia, quanto mais uma mentalidade globalizada... enfim, portugal é um país de pessoas pequeninas... compreender a forma como o mercado oriental é um mercado de oportunidades é pedir demasiado... deixem o senso comum triunfar!... afinal não é o sol que anda à volta da terra?

Leinad disse...

Até agora so têm apontado os pontos positivos do curso, mas aproveito, já agora, a oportunidade, pra dizer ao pessoal que está a pensar em vir pra este curso que se deverão mentalizar que nem sempre os docentes (a bem dizer, é pratica comum mesmo lol) do curso se regem pelas regras da universidade e do ensino superior em geral, em particular no que diz respeito aos métodos de avaliaçao. Enfim, fica o aviso.
Mas de resto de facto o curso é o melhor do mundo e eu devo dizer que nunca vi um curso com tantes estudantes que poderiam bem ser os "nóbeis de melhor pessoa do mundo".

Mas se querem mais informaçoes super importantes e tal sobre o curso, e o futuro da vossa vida em geral, nada melhor que seguirem os seguintes links:
http://shinetolife.blogspot.com/
http://mocasleonianas.blog.vu/

Annabel Lee disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Inês disse...

aah, é verdade, e quanto a praxe? curiosamente nunca vi praxes de LCO no campus...vocês levam a sério esse tipo de tradições académicas??

Leinad disse...

ZOMG wtf no way!!!11!eleven
lol eu acho que sim, que este curso é, de longe e longiquamente, o curso com as melhores pessoas do mundo.

Annabel Lee disse...

Infelizmente neste curso também há retardados que levam a praxe a sério, sim... o.O;

Annabel Lee disse...

Atenção: retardados mas excelentes pessoas. :)

Kiyoshi disse...

Inês, é normal que não tenhas visto, o curso só por si já tem pouca gente, e não foram assim tantos os que aderiram à praxe (eu não fui um deles por exemplo) e sendo o curso tão recente não há uma tradição de praxe, há sempre quem o queira fazer e têm liberdade para isso. Eu por exemplo fiz uma coisa muito simples, experimentei, não achei piada e não me pareceu ser nada que valesse a pena o esforço, não fui mais. Eu sinceramente até ficava mais contente se a nossa praxe se consegui-se diferenciar da (a)normalidade. Acho que se podiam fazer coisas bem mais produtivas. Se tudo correr bem, este ano já vão haver várias actividade dedicadas aos novos alunos e não só. As pessoas têm de ver que há mais maneiras de se conhecer e socializar com os colegas que não passam pela praxe no sentido "tradicional" do termo.

Desculpem lá a extensão do comentário ^^

Inês disse...

Kiyoshi, fico satisfeita por o curso não ter muita tradição de praxe, e quanto ao se diferenciar dos restantes secalhar passa mesmo por ai :P a praxe inicialmente servia para a integração dos alunos e para a criação de laços, hoje esta concepção parece-me totalmente deturpada! e sim, há muitas mais e melhores formas de socializar com os colegas. conto que organizem actividades alternativas à praxe (e se incluir cerveja tanto melhor xD). fiquem bem!

Fleps disse...

Tudo bem pessoal, então como vos correram os exames? Já agora o que é um exame de ''Literatura Chinesa com Frank/Lin? :P

Kiyoshi disse...

A mim os exames correram bem, não vai haver recurso para mim e já estou de férias há uma semana :P
"Literatura Chinesa com Frank/Lin", é Literatura Chinesa, Frank e Lin são nomes de docentes do curso, mas ou muito me engano (é o costume) ou LCO já não tem essa cadeira.

Annabel Lee disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
fleps disse...

Apenas perguntei pelo exame de literatura, por curiosidade, do que lá sairia :P E essas activadades, Annabel Lee, são apelativas e interessantes. hehe :D

Annabel Lee disse...

fleps

bem, nós tivemos dois tipos de abordagem em relação à Literatura Chinesa. No módulo do Frank tivemos história da literatura, análise dos diferentes géneros, a forma como influenciou a sociedade chinesa, etc... na da Lin basicamente tivemos a analisar poemas concretamente, acho que a disciplina é interessante exceptuando a parte em que temos que decorar poemas... isso já acho bastante dispensável... mas pronto, pode ser que nos moldes de bolonha vocês tenham mais sorte do que nós e não vos obriguem a decorar tantas coisas :P

Annabel Lee disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kiyoshi disse...

Fui dar uma olhadela ao plano das disciplinas de LCO e realmente Literatura não faz parte do curso.

Isto está-se a tornar quase um chat :X

joao carlos disse...

Infelizmente só falaram mal da praxe até agora..e já agora annabel lee gostei quando falaste das aulas de apoio k vão ser dadas como alternativa á praxe principalmente dps de termos falado e tu teres sempre sido contra essa ideia (leia-se: dizeres k nunca essas aulas iriam ser uma alternativa á praxe) LOL(mt grande)!! Ines em relação ás praxes apesar de sermos poucos e de as doutoras tb serem mt poucas algumas pessoas foram praxadas das quais muitas pessoas gostaram tentando honrar sempre o curso! A praxe é uma tradição um pouco retrógrada? sim por existir há muito tempo, não por o conceito da praxe ter mudado para melhor ñ podendo ser comparada há de alguns anos !! Mas a praxe como é opcional ñ devia ser tão preocupante como é para alguns!! Um bem haja e umas boas férias!! Um novilho quase noviço...LOL

Kiyoshi disse...

Peço-vos que não tornem isto numa sala de chat. Acho desnecessária uma discussão sobre a praxe neste momento e neste sítio, é um assunto que tem sempre muito que falar e não me parece que este seja o melhor espaço para o fazer. Há quem goste e quem não goste, quem apoie e quem repudie, sempre haverá, acima de tudo respeitem-se e vivam em paz e harmonia :P

DGibaLine disse...

Boas :)
Este curso está a dar-me uma dor de cabeça, pois eu pretendia ir para outro até ter conhecimento deste, e agora quero os dois :P
No entanto gostava que me esclarecessem em que ramos poderia trabalhar futuramente (tirando aqueles que aparecem na apresentação do curso, queria um pouco mais pormenorizadamente), com uma licenciatura em linguas e culturas orientais, ou até já com o mestrado em estudos interculturais português/chinês. Grato pela atenção :) Dewa mata!

moka disse...

Olá a todos!
Acho muito interessante este curso e até gostaria de tirar a licenciatura.O problema é que moro em Lisboa. Por acaso alguém tem conhecimento de outro parecido aqui para estes lados? Pelo que ouvi dizer esta é a única licenciatura no nosso pais.
Obrigada
Fiquem bem
Bjs

Ariana disse...

Olá kiyoshi, fui colocada no curso de Línguas e Culturas Orientais :D. Mas estou com um bocado de medo :S
é um curso bastante interessante, e dificil. Gostaria de saber se a nível de empregabilidade os alunos da UM deste curso ficam no desemprego ou têem conseguido alcançar as suas metas no mundo do trabalho. Aguardo resposta, com os maiores cumprimentos.